Calvino - Biografia

 
                              

João Calvino

 

(Teólogo francês)

10/7/1509, Noyon, França
27/5/1564, Genebra, Suíça

 
"O Senhor teve piedade de mim, sua pobre criatura; (...) Ele me estendeu a Sua misericórdia para anunciar a verdade do Evangelho." Com estas palavras autodefiniu-se o reformador humanista João Calvino, fundador da igreja protestante na França.

De origem humilde, Calvino era filho de um tabelião, secretário do bispo de Noyon. Ingressou no Colégio dos Capeto e depois foi admitido entre os filhos do Senhor de Monmor, compartilhando com eles sua educação.

Em agosto de 1523, iniciou seus estudos na Universidade de Paris, onde aprendeu latim, filosofia e dialética, chegando a distinguir-se como humanista. Encaminhado para a teologia por seu pai, Calvino foi enviado para uma capela da Catedral de Noyon, depois para a paróquia de Marteville.

Com a mudança dos planos paternos, Calvino direcionou-se para o direito. Entre 1528 e 1533, freqüentou as universidades de Orleans e de Bourges. Em 1532, publicou sua primeira obra, "Dois livros sobre a Clemência ao Imperador Nero", em que comentou o pensamento de Sêneca sobre a clemência. Aos poucos, foi-se aproximando das questões morais e religiosas e do pensamento de Lutero, o reformador da Igreja católica na Alemanha.

Em 1533, sua distância em relação ao catolicismo tornou-se pública, com a redação de um discurso contendo matéria religiosa considerada herética. Dois anos depois, concluiu sua obra mais famosa, a "Instituição da Religião Cristã", que lhe rendeu grande prestígio.

Três anos mais tarde, convidado a ensinar teologia, Calvino passou a viver em Genebra, unindo-se ao reformador Guillaume Farel. Uma tentativa malsucedida de implantar os costumes reformados acabou causando celeuma e levando Calvino ao exílio, em 1538.

Mudou-se para Estrasburgo, onde, em agosto de 1540, casou-se com a viúva Idelette de Bure, com quem viveria por nove anos. Com a morte da esposa, Calvino seguiu cuidando dos filhos dela.

Em 1541 retornou a Genebra, onde criou um modelo institucional para a igreja reformada. Publicou as suas "Ordenanças Eclesiásticas" naquele ano. A partir de então, ocupou-se do aprimoramento e da difusão da nova doutrina, expandindo-a para outros centros europeus.

Em seus últimos anos, estava com a saúde debilitada. João Calvino morreu no dia 27 de maio de 1564, após um acesso de hemoptise.
 
Comments