convul_scuta sapiens/ vestes de seivas roubadas (2015)

PROJETO EM DESENVOLVIMENTO



Montera C.S.

Objeto construído e inspirado no chapéu de toureiros considerados ‘matadores’. A existência de bordados e tramas, muitas vezes aplicadas em vestuário do gênero feminino, é um contra-ponto à real atividade daqueles que carregam essa peça.  A existência da cauda indica que o toureiro continua nas arenas. Essa obra integra a série Convul_scuta S. (daí as iniciais levadas ao nome do objeto), que elegeu como referência, uma espécie vegetal conhecida vulgarmente como ‘fios de ovos’, em que rouba as seivas das plantas que as hospedam, até à morte delas. Assim, o emaranhado negro, quase em forma de ninho, representa o parasitismo aplicado pelo homem.(Desdobramento do projeto Passiflora sapiens).