DESTAQUES‎ > ‎

Design

Décor do dia: quase nada além do mar

Minimalismo valoriza a vista para a praia

  (Foto: Mauricio Fuertes)
Falar de decoração quando se está numa casa situada numa praia deserta como esta em Huentaleuquen, no litoral chileno, pode beirar a irrelevância. Com um mar destes descortinando-se diante dos olhos dos presentes, quem quer saber de móveis, objetos e acessórios? Mas se há um teto, as pessoas precisam se sentar, comer, descansar. Por isso o projeto do escritório local 01 ARQ tem apenas o mínimo necessário, tudo com uma função determinada. De decorativo mesmo, apenas o móbile no canto esquerdo e a bola escultórica sobre a mesinha de centro. Para que mais? Casa Decor
Uma nova cara para caixas acústicas
Sistema sem fio é criação da Bang & Olufsen
  (Foto: Reprodução)


Foi-se o tempo em que os amantes de tecnologia tinham que deixar a estética de lado para ter um bom sistema de som instalado em suas residências. Um exemplo são os produtos de fabricantes como a dinamarquesa Bang & Olufsen, que aprimora a combinação de tecnologia e estética a cada ano. E para novembro próximo, ela já tem um novo lançamento: o sistema sem fio BeoPlay A9 Speaker Series, cujo formato lembra o de um disco voador.

A linha de caixas acústicas transforma o aparelho em um objeto de decoração. Com desenho moderno, ele é totalmente customizável - oferece três diferentes formas de posicionamento, bem como três diferentes tipos de madeira para compor sua base (carvalho, faia e teca).
  (Foto: Reprodução)
Moralidade total flex
Experimentos mostram que nossos princípios mudam conforme o cenário, os personagens e os interesses em jogo, ninguém está imune a derrapar de vez em quando.
Editora Globo

Um jovem que vive em um cubículo e mal tem dinheiro para o aluguel penhora seus bens a fim de quitar suas dívidas. A agiota é uma sexagenária que cobra juros abusivos. Matá-la, ele sabe, é errado. Mas e nesse caso, em que a vítima não é um poço de bondade e não tem muito tempo de vida? E se ele usar o dinheiro dela para ajudar outras pessoas? o ato deixaria de ser tão terrível, não? Pelo menos foi assim que pensou Rodion Raskólnikov, o protagonista do clássico russo crime e castigo. Sim, ele assassinou a velha.

Guardadas as devidas e criminosas proporções, somos mais parecidos com o personagem do escritor Fiódor Dostoiévski, criado no século 19, do que imaginamos. Temos uma tendência a buscar (e até inventar) desculpas para justificar nosso comportamento, mesmo quando nossas atitudes não parecem corretas. Ou seja, todo mundo, e você não é exceção, está sujeito a ser desonesto ou imoral vez ou outra. E, curiosamente, existem situações específicas que favorecem esse tipo de conduta até entre aqueles que costumam andar na linha. No recém-lançado A Mais Pura Verdade Sobre a Desonestidade (Elsevier, 280 páginas), Dan Ariely, professor de psicologia da Universidade Duke, nos Estados Unidos, mostra com experimentos criativos como a moralidade humana usa dois pesos e duas medidas para lidar com certos dilemas. “Todas as pessoas têm capacidade de serem desonestas, mas comportar-se assim depende das situações com as quais se deparam”, diz o autor, em entrevista à GALILEU. 
Saiba mais

Vitra Museum exibe melhor do design pop
Mostra vai de Andy Warhol ao casal Eames
  (Foto: Divulgação)

Impossível ficar indiferente aos móveis e objetos retrôs e multicoloridos que marcam o design inspirado na pop art. Pensando nisso, o Vitra Design Museum, na Alemanha, abre neste sábado a exposição Pop Art Design, em cartaz até 2 de fevereiro. A mostra exibe 67 objetos que seguem essa linha, incluindo filmes, fotografias e textos, assim como 79 trabalhos de renomados artistas como de Andy Warhol e Roy Lichtenstein. Para completar, apresenta móveis bem-humorados assinados por ícones do design, como Verner Panton, Ettore Sottsass, e Ray e Charles Eames.

  (Foto: Divulgação)
O fetichismo e o culto às celebridades e ao consumo, que permeia a arte e o design desde o pós-guerra, é o cerne da mostra, curada por Mathias Schwartz-Clauss. Nela, o visitante poderá conferir a multiplicidade da pop art e fazer uma viagem ao passado – que, no entanto, continua atual - por meio de objetos pertencentes ao acervo do próprio Vitra Design e de outros museus.
  (Foto: Divulgação)
Comments